Complexamente simples


Texto do Mário Quintana, assim como outro texto dele, li a mim mesmo nestas linhas. Na verdade, eu estava com um post em fase de preparação falando justamente disso, quando me deparei com essa que é uma das mais belas preciosidades que já li sobre mim.

E olha que o poeta sequer me viu… mas parece que sempre me conheceu


“Por favor, não me analise
Não fique procurando cada ponto fraco meu.
Se ninguém resiste a uma análise profunda,
Quanto mais eu…
Ciumento, exigente, inseguro, carente
Todo cheio de marcas que a vida deixou
Vejo em cada grito de exigência
Um pedido de carência, um pedido de amor.
Amor é síntese
É uma integração de dados
Não há que tirar nem pôr
Não me corte em fatias
Ninguém consegue abraçar um pedaço
Me envolva todo em seus braços
E eu serei o perfeito amor.

“Mário Quintana”

Anúncios

6 comentários sobre “Complexamente simples

  1. Ah, lindo o texticulo… Quintana é o cara!

  2. Para mim os melhores poemas são aqueles que parece estarmos lendo a nós mesmos, e com os poemas do Mário, sempre tenho essa sensação.

    Kisses =)

  3. q lindoooo luu….adorei o texto..bjuuuu

  4. Sergio…
    Esse texto me identifica tbm!!

    [:)]

Comente aqui

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s