Saudade maluca


Um pouco atrasado, mas uma delícia a crônica da minha amiga Mari Sampaio do dia 20 de Janeiro.

Um trechinho para dar vontade:

“…por uma hora. Tudo parecia novo, cada carro que quase me atropelava, não era mais o de antes.”

Leia o texto completo aqui.

Anúncios

Comente aqui

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s